Capela de Nossa Senhora da Saúde

  • Capela-Nossa-Sra.-da-Saúde-01Capela-Nossa-Sra.-da-Saúde-01
  • Capela-Nossa-Sra.-da-Saúde-03Capela-Nossa-Sra.-da-Saúde-03
  • Capela-Nossa-Sra.-da-Saúde-04Capela-Nossa-Sra.-da-Saúde-04
  • Capela-Nossa-Sra.-da-Saúde-05Capela-Nossa-Sra.-da-Saúde-05

Museu Virtual Category: PATRIMÓNIO EDIFICADO e CapelasMuseu Virtual Tags: capelas, património edificado e religião

Info
Info
Fotografias
Mapa de Localização
Itens Relacionados
  • Capela de Nossa Senhora da Saúde

     

    Esta capela, situada na Quinta da Boavista, é a mais pequena da vila, talvez por se tratar de uma capela de uso estritamente particular. Foi construída a partir da fachada norte da casa. O uso privado é acentuado pelo uso exclusivo do pequeno coro alto, ao qual se tem acesso apenas pelo interior da habitação.

    No interior, limitado pelo pequeno espaço, existe um pequeno retábulo, de madeira policromada, cujo nicho central é ocupado por uma pequena imagem de Nossa Senhora da Saúde. Porém, o que se destaca é uma placa em granito à esquerda da porta principal que diz: “Foi esta capela edificada nas Caldas em 11 de Julho de 1789(?) por Francisco Proença Matos e reedificada neste lugar em 28 de Julho de 1983(?) por Maria do Nascimento Matos Rato de Mello (?)”. Pelo que anteriormente foi referido se pode concluir que se trata da capela que existia no lugar das Caldas,  tendo sido  destruída e substituída pela Capela de Nossa Senhora de Lurdes em 1983,  aqui reconstruída.

    O exterior apresenta o estilo clássico que caracteriza a maioria das capelas da vila de Manteigas, em que as fachadas são rebocadas e pintadas de branco, com detalhes em granito na fachada principal, na moldura das janelas, da porta e das pilastras laterais. A empena triangular é coroada por uma cruz em pedra, decorada por relevos simples, e dois ornamentos laterais em forma piramidal com bola no topo.

    Nossa Senhora da Saúde foi particularmente invocada em Portugal, no século XVI, pois o povo foi assolado pela epidemia da peste negra. Considerando que foi sob sua proteção que a doença terminou, o culto à Senhora da Saúde propagou-se e muitas igrejas e capelas foram construídas, recebendo o seu nome. A capela que lhe é devotada em Manteigas, poderá advir dos pedidos de proteção contra as diversas doenças que assolavam a modesta vila, escondida na serra.

     

    Estado de conservação 

    Bom à data de 24-09-2014

    Bibliografia

    Antologia I – Depoimentos Histórico – Etnográficos sobre Manteigas e Sameiro, José Lucas Baptista Duarte, Edição da Câmara Municipal de Manteigas, 1985

  • No Records Found

    Sorry, no record were found. Please adjust your search criteria and try again.